Sabia que é possível descobrir as chances que uma pessoa tem de passar em concurso público? Pois é, Victor Maia, mestre em estatística pela Universidade de Brasília, especialista em aprendizagem pela Universidade da Califórnia criou um programa que calcula as chances do candidato em ser aprovado, levando em consideração o tempo de estudo, suas habilidades e a área de interesse.

Segundo o criador do software, a média de aprovação aumenta em até 48%, com uma carga de estudo 10 a 20 horas semanais.

O primeiro concurso em que Victor conseguiu aprovação, com a utilização do software, foi para o cargo de perito da Polícia Federal. Desde então, tudo ficou mais fácil e com o tempo ele passou em vários outros concursos como para agente da Polícia Federal, estudando apenas quatro meses; Controladoria Geral da União e Previc.

Muitos concurseiros já se beneficiaram com a Máquina de Aprovação – como é chamado o software desenvolvido por Maia que ajuda a passar em concurso público e, para entender seu funcionamento, podemos compará-la com um GPS, que te diz onde você está (em termos de conhecimento), então você escolhe o seu objetivo, ou seja, a carreira que quer seguir, e o programa define o melhor caminho para seu destino. O método se divide em quatro etapas:

1. Passar em Concurso Público – Avaliação

Aplica-se, primeiramente, um simulado em que, ao final, compara-se a nota do candidato às dos aprovados no último concurso do órgão. Pelo resultado, o software informa se o seu conhecimento é o bastante para se classificar. Com o tempo, o programa traça um perfil do candidato e o conhecimento que ele acumulou.

2. Passar em Concurso Público – Escolha

Considerando o desempenho do candidato, o software oferece uma sugestão sobre o concurso mais provável do candidato passar, de acordo com o seu desenvolvimento nos simulados. Segundo Victor, a Máquina de Aprovação é coerente na escolha, pois mostra a carreira com a qual o candidato demonstra ter mais afinidade.

3. Passar em Concurso Público – Planejamento

Depois de escolhida a carreira, a “máquina” te ajuda a planejar e otimizar os estudos, definindo o tempo necessário para disciplina, de acordo com os seus conhecimentos adquiridos e comparando sempre o seu desempenho com o dos candidatos do último concurso realizado.

4. Passar em Concurso Público – Estudo

Nessa etapa, o concurseiro aprende formas de estudo e técnicas para manter a motivação; o software indica as leituras necessárias e realiza mais simulados.

Bem pessoal, quem é concurseiro, acho que vale a pena dar uma conferida no método. Se quiser saber mais, clique no banner abaixo (link de afiliado).


Fonte: Correio Brasiliense